Não espere milagre - reduza, reutilize, recicle



20110910-lixo.gif

Nós temos um novo continente no mundo. Ele é um pouco maior do que os Estados Unidos. É uma vasta superfície de plásticos flutuando no Oceano Pacífico. 

O lixo ameaça sufocar nosso planeta. Mas, se usado de forma adequada, ele poderá ajudar a economizar muitos megawatts de energia, toneladas de CO2, recursos valiosos e muito, muito mais. 


SOBRE PILHAS E BATERIAS.


20110910-pilhas.jpg

Baterias convencionais contém materiais tóxicos e precisam ser recicladas separadamente. Se forem jogadas em aterros sanitários, elas podem contaminar o lençol freático e o solo. As baterias recarregáveis são ainda mais tóxicas, por isso é importante descartá-las em contêineres especiais. 

NAVIOS PODEM SER RECICLADOS.


20110910-navio.jpg

A cidade de Chittagong, em Bangladesh, adquiriu má fama por suas praias entulhadas de naufrágios. O problema é que os operários recebem pouco mais de 1 dólar ao dia para desmontar carcaças gigantescas de uma forma arriscada. Mesmo sem ter minas de ferro, o país obtém cerca de 80% do aço queconsome a partir do desmanche de navios. 

SEPARAR OU PAGAR.


20110910-recycling.jpg

Em Taipé (China) quem não separa o lixo pode receber multas de até 190 dólares. Taiwan precisa reduzir o lixo, pois já não tem mais espaço disponível para jogar entulho. 

A reciclagem também parece sofrer influência das preferências culturais. Enquanto a Grécia recicla apenas 10% do seu lixo, a Áustria alcança um índice de 60% de reciclagem. (Imagem: Reuters) 

007 - OS PLÁSTICOS SÃO ETERNOS


20110910-recycling_plastic.jpg

A maioria dos plásticos não é biodegradável e muitas vezes a incineração é o único jeito de se livrar deles. Quando inseridos nos ecossistemas, os plásticos se desintegram em pedaços menores, mas permanecem inalterados por centenas ou, possivelmente, milhares de anos. (Imagem: Reuters) 

PLÁSTICO É PETRÓLEO EM ESTADO SÓLIDO.


20110910-recycling_plastic2.jpg

Muitas pessoas coletam materiais plásticos usados, separam em pedaços e vendem para usinas de reciclagem. A maior parte dos plásticos é feita de petróleo. São necessários 2 litros de petróleo para fabricar 1 kg de plástico, e de 4 a 5% da produção mundial de petróleo é destinada à sua produção. (Imagem: Reuters) 

UM MUNDO DE GARRAFAS.


20110910-lixo_garrafas.jpg

Reciclar 1 tonelada de plástico economiza 5,7 metros cúbicos de espaço de aterro sanitário. Nos Estados Unidos a água engarrafada é o setor que mais cresce entre todas as bebidas, cerca de 15 bilhões de garrafas de água foram vendidas em 2002 . Infelizmente, a taxa de reciclagem de garrafas plásticas lá é de apenas 12%. 

RAINHA DA SUCATA


20110910-france.jpg

Todos os anos nós produzimos cerca de 11 milhões de toneladas de sucata de ferro e aço. Uns 70% disso são recuperados, mas cerca de 20% ainda vão parar nos aterros sanitários. Milhões de recipientes de aço são recolhidos a cada dia com o uso de ímãs imensos que atraem o metal que está no meio do material saído das lixeiras. (Imagem: Reuters) 

METAL IMORTAL


20110910-avioes.jpg

Metais reciclados provenientes de aviões, carros e sucata industrial ajudam a atender à demanda crescente das economias em desenvolvimento. Os metais se prestam muito bem à reciclagem. Eles podem ser usados indefinidamente sem perder quaisquer das suas propriedades. 

E-LIXO


20110910-elixo.jpg

Se todos os computadores, telefones celulares e demais dispositivos eletrônicos descartados fossem colocados em vagões contêineres de um trem, daria para dar a volta ao mundo. O crescimento rápido no número de aparelhos eletrônicos no mundo, o fato de se tornarem ultrapassados em pouquíssimo tempo e a diminuição da sua vida útil, resulta em 50 milhões de toneladas de lixo eletrônico geradas todo ano. 

O e-lixo é extremamente perigoso pelas substâncias tóxicas que ele contém. O desmanche de eletrônicos descartados deve ser feito com segurança e eficiência, em um ambiente controlado, com maquinário adequado e um incinerador. O processo permite extrair materiais valiosos, como cobre, ouro ou mesmo o escasso berílio. Reciclagem abaixo das normas, onde queimam cabos e envoltórios plásticos para retirar metais vendáveis, provoca poluição maciça do ar e expõe os trabalhadores a emanações intoxicantes. 

MINHOCAS SÃO NOSSAS AMIGAS EXTRAORDINÁRIAS


20110910-MINHOCA.jpg

As grandes auxiliares de reciclagem na natureza, consomem e convertem matéria orgânica em fertilizante, num processo denominado vermicompostagem. A administração de Hong Kong recrutou 80 milhões delas para ajudar a lidar com o lixo da cidade. 

Cientistas estão tentando usar minhocas para decompor resíduos industriais tóxicos, em vez de queimá-los ou descartá-los. Materiais tóxicos reduzem a vida das minhocas, mas, ainda assim, elas convertem uma boa parcela deles em esterco não tóxico. 

DESCANSO FINAL SUSTENTÁVEL


20110910-ecopod.jpg

O ecologicamente correto EcoPod, é um caixão fabricado à mão com materiais reciclados, como fibra de celulose e cola à base de milho. O corpo da pessoa morta se decompõe e é reciclado naturalmente. Quando queimados, esses caixões são completamente biodegradáveis e emitem menos gás carbônico durante a cremação. 

RECICLAGEM NA CHINA


20110910-e-waste.jpg

A China é o maior importador de lixo do mundo. Em 2008 os Estados Unidos exportaram 11,6 milhões de toneladas de papel e papelão de segunda mão para a China. O consumo dos chineses simplesmente não produz lixo suficiente para alimentar a indústria de reciclagem do país. A cada 28 toneladas de papel reciclado evita-se o corte de 1 hectare de floresta. 

SERRA PELADA ELETRÔNICA


20110910-ouro.jpg

Sucata industrial é retirado de artigos eletrônicos descartados - é a "mineração urbana" - a prática de vasculhar os resíduos de metal de produtos eletrônicos velhos, em busca de preciosidades, como ouro e irídio ( Um dos elementos mais raros na crosta terrestre, necessário para fins industriais e médicos ). (Imagem: Reuters) 

HÁ ALGO DE ERRADO AQUI!


20110910-hungry-children.jpg

Sim, a comida boa deveria estar no prato. Mas ela está na lata do lixo. Mais de um bilhão de pessoas no mundo todo passam fome, enquanto jogamos comida no lixo. Os alimentos que são jogados fora todo ano nos Estados Unidos, valem mais de 48 bilhões de dólares. Desperdiçar menos alimento poderia reduzir o consumo de água, fertilizantes e pesticidas. Menos desperdício significaria também aterros menores. 

No mundo todo, a produção anual de resíduos sólidos cresceu assustadores de 2,8 bilhões de toneladas, incluindo alimentos. Mais que suficientes para alimentar 1,5 bilhão de pessoas subnutridas. Quando você coloca comida na lata de lixo equivale a retirá-lo do mercado mundial e da boca de quem tem fome. 


A gente não se liberta de um hábito atirando-o pela janela: é preciso fazê-lo descer a escada, degrau por degrau. 


USE FERTILIZANTES ORGÂNICOS.


Cascas de ovo e restos de legumes e verduras, misturados com folhas, terra ou grama podada, dão ótimos compostos para o jardim. Ou, então, você pode comprar produtos orgânicos alternativos. Se você não usa o lixo da cozinha e do jardim para compostagem, coloque-o em recipientes públicos para esse fim.

NÃO DEIXE ENTULHO.


Nada de jogar um toco de cigarro ou atirar o seu lixo pela janela do carro. Não deixe os restos do seu piquenique no parque. Deve haver latas de lixo suficientes à sua volta. Se não houver, traga o seu próprio saco de lixo e leve os seus resíduos de volta. 

RECICLE OS MATERIAIS TÓXICOS.


O óleo de motor usado é altamente tóxico para o ambiente, especialmente quando é jogado em ralos e vasos sanitários. Em vez disso, leve-o até os centros de coleta especial que lidam com resíduos tóxicos. Aproveite a ocasião para descartar tintas, baterias e outros produtos químicos. 

RECOLHA A SUJEIRA DO SEU BICHO.


Dejetos animais podem ir dos gramados e calçadas diretamente para o solo e o lençol de água subterrâneo, levando bactérias prejudiciais. 

REUTILIZE OS SACOS DE SUPERMERCADO.


Leve as suas sacolas quando for fazer compras. Reutilize aqueles sacos plásticos que você já tem em casa. 

SEPARE O SEU LIXO.


Faça uma triagem do seu lixo e separe plásticos, vidros, papéis e produtos orgânicos. Em muitas cidades os serviços de coleta de lixo oferecem contêineres diferentes para cada um dos itens e fazem coletas periódicas. Se não contar com isso, use os latões para produtos recicláveis em locais públicos. 

CUIDE DO SEU CARRO.


Revisões periódicas no seu carro, evitam emissões excessivas. Para distâncias pequenas, vá caminhando ou use a bicicleta. A sua saúde agradece e o meio ambiente também. 

CONSERVE A ENERGIA.


Ao sair de uma sala, desligue as luzes, a TV e todo aparelho eletrônico que não estiver em uso. E não deixe nada em stand-by - desligue os aparelhos totalmente! Feche a torneira enquanto escova os dentes e tome banhos mais curtos. Junte mais roupa suja para lavar e deixe as roupas secar no varal em vez de usar a secadora. Isso vai ajudar a reduzir as emissões e também as suas contas de energia.
Via | Allianz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é sempre bem vindo!
Comente, opine, se expresse. Este espaço é seu!

Se quiser fazer contato por email utilize o irmaos.docaminho@hotmail.com

Espero que tenha gostado do blog e que volte sempre! Muita paz!

Ocorreu um erro neste gadget

Estamos aqui!